Clicky

Fale Conosco

Converse com nossos especialistas e descubra como transformar seus dados em informações seguras, disponíveis e acessíveis.

Endereço

Rua Angelo Antonello, 93 – Sala 62, Centro – Farroupilha/RS – CEP: 95170-492

Contato Comercial

Email: contato@cdbdatasolutions.com.br
Telefone: (54) 3401-1471

, ,

PAD – Power Automate Desktop

  • Por Rodrigo Ramos Dornel
  • 17/11/2023
  • 206 Visualizações

Você sabe o que é RPA?

O RPA, ou Automação Robótica de Processos de negócio, é um termo que vem ganhando destaque no mundo corporativo nos últimos anos e agora, com o impulso da inteligência artificial, está ganhando novas funcionalidades e potencializando ainda mais o seu uso.

Esse tipo de ferramenta tem como principal objetivo automatizar tarefas repetitivas que são executadas através de interações entre os colaboradores e os softwares da empresa. Muitas dessas tarefas seguem um determinado padrão, ou seja, podem ser mapeadas e executadas dentro de uma função de repetição de uma ferramenta de RPA.

Vamos tomar como exemplo uma empresa que recebe inúmeros boletos de seus fornecedores por e-mail. Muitas vezes esses boletos vêm em formatos PDF ou até como imagem. Um RPA pode varrer uma caixa de e-mail ou um diretório em busca desses arquivos e, em seguida, examinar cada um deles em busca de um determinado padrão. Nosso objetivo aqui será a extração da linha digitável destes boletos.

Vejamos a imagem abaixo. Nela, podemos ver duas funções do processo de RPA do Microsoft Power Automate Desktop sendo: uma tarefa de extração de texto de dentro de um arquivo pdf e outra que realiza a análise do texto extraído através de expressões regulares, com o objetivo de encontrar um padrão de textos compatível com a linha digitável do boleto.

Uma vez que esses dados são coletados pelo RPA, eles podem ser manipulados de acordo com a necessidade do usuário. Na imagem abaixo podemos ver um exemplo de conexão com banco de dados no qual, os dados contidos na variável “Match” são gravados em uma tabela do banco de dados.  Armazenamos nesta variável os dados que são compatíveis com o padrão procurado.

Porém, às vezes esses dados necessitam ser cadastrados em um sistema de gestão de forma a simular a interação humana. É nessa hora que os sistemas de RPA fazem a diferença, pois oferecem interfaces que reproduzem o comportamento de clique e preenchimento feito pelo ser humano. Esse processo ocorre através da funcionalidade de gravar a tela ou macro, onde os elementos de uma interface, seja ela de aplicativo ou web, são capturados e depois reproduzidos utilizando um laço de repetição.

Na imagem abaixo, vemos as funções que buscam os dados de uma planilha Excel e preenchem um formulário com eles.

Essa interface foi previamente mapeada, utilizando a função de preenchimento de caixa de texto. Essa função requer como parâmetro de entrada o mapeamento do campo desejado, o que é muito simples de ser configurado.

Primeiramente, selecionamos uma das funções do nosso formulário e a expandimos. Em seguida, no campo “Texto para preencher”, clicamos no botão “Adicionar elemento de interface do usuário”. Na tela que se abre, com o auxílio das teclas Ctrl + botão esquerdo do mouse selecionamos o campo que será preenchido. Ao retornar para a tela do Power Automate, devemos informar qual elemento do Excel lido preencherá este campo. No caso do exemplo, na interface do sistema, o campo “Nome” receberá o valor “First Name” da planilha.

Ao finalizar o mapeamento, basta clicar em executar e acompanhar o processo de preenchimento pela ferramenta. Lembrando que sua máquina ficará “bloqueada” durante o processo de execução, ou seja, se você realizar alguma movimentação de mouse ou clique, por exemplo, a execução se perderá e preencherá de forma errada seu formulário.

O processo de RPA pode ser executado de duas formas: assistida, no qual o processo simula a execução de um ser humano, clicando e dando entrada nas informações, ou não assistida, no qual bots (robôs) fazem o trabalho sozinhos, sendo acionados por gatilhos ou eventos externos.

Espero que este post tenha auxiliado no entendimento sobre como um RPA pode lhe ajudar no dia a dia e seja o ponto de partida para seu aprofundamento, afinal RPA vai muito além de um preenchimento de cadastro ou entrada de dados.

Até o próximo post! 😊

Abrir bate-papo
Olá! Somos especialistas em Infraestrutura e Inteligência de Dados.
Como podemos ajudá-lo?